25 outubro 2015

Morar e trabalhar fora do país?

Atenção à essas 5 dicas/cuidados para quem quer morar e trabalhar fora! Venho aprendendo na prática aqui na Alemanha sobre esse tema, convivo com estrangeiros e brasileiros, acompanho o sucesso de alguns e drama de outros. Aproveite a leitura!




Morar e trabalhar fora do país?






Estou fora do Brasil há 1 ano e 5 meses e acompanho a crise em que nosso país se encontra. Falo aqui não só da crise econômica ou política mas também da crise de carreira e aspirações profissionais.

E é sobre isso que quero falar hoje! Muita gente acredita que sair do Brasil para morar e trabalhar por conta de tanta dificuldades, problemas políticos e econômicos é o melhor a se fazer. Sem dúvida, é uma experiência única e que só trás aprendizado. Mas como fazer isso acontecer? Como tomar os cuidados mínimos para experimentar ao máximo essa possibilidade?

Então, atenção à essas 5 dicas/cuidados de quem vem aprendendo na prática aqui na Alemanha e de quem convive com outros tantos estrangeiros por aqui, acompanhando o sucesso de alguns e drama de outros. Aproveite a leitura!



1 - Eu já domino o inglês, preciso também estudar outros idiomas?
O inglês é sem dúvida um idioma importante nas grandes cidades de todos os países, mas dizer que só ele basta seria uma inverdade. Quem quer se destacar, fazer a diferença em sua área de atuação e se integrar mais facilmente no país escolhido deve investir o quanto antes num terceiro idioma, já que nem todas as empresas adotam o inglês como língua oficial no ambiente de trabalho. Com o alemão, por exemplo, você tem chances de trabalho não só na Alemanha, mas também na Áustria, parte da Suíça e parte da Itália. Estudantes e profissionais brasileiros da área de engenharia podem usufruir de boas oportunidades de intercâmbio e trabalho na Alemanha se tiverem um bom nível de alemão. Já para quem trabalha com tecnologia, considere investir no francês, que além da França é falado também na Suíça, Mônaco, Luxemburgo, Bélgica, além de parte do Canadá. Esses são só alguns exemplos onde o idioma amplia as possibilidades de uma carreira internacional. Pesquise também sobre o mandarim e, claro, o espanhol!


2 - Especialização é importante, mas visão abrangente também
Você tem uma especialização e acredita que é o suficiente para garantir boas oportunidades fora do Brasil? Ótimo que você tenha buscado uma formação específica, mas além de pensar em se aprofundar numa área busque também outros conhecimentos  complementares para ter sempre um ponto de vista amplo, que te permita entender a relação entre diferentes áreas com a sua especialização, porque aqui fora significa ter mais chances concretas de atuação. Isso vale para profissionais da área de Recursos Humanos, Finanças, Marketing, Vendas, Jurídica, Engenharia, apenas para citar algumas.

3 - Jogo de cintura
Quando estamos fora da nossa zona de conforto, morando e trabalhando em outro país com outras regras, exigências e modus operandi  precisamos estar receptivos ao novo e aprender a conviver diariamente com o oposto ou no mínimo diferente do nosso habitual. Aceitar e respeitar quem pensa diferente e desenvolver as habilidades de escuta, tolerância, flexibilidade e adaptação são fundamentais para a sobrevivência no mercado internacional.  Interagir com nativos, inclusive colegas de trabalho, ajudar a compreender melhor e mais rápido os códigos culturais do novo local. Daí volta a importância do idioma local! Antes de sair do país, é importante fazer uma auto-avaliação nesse sentido e perceber como se enquadra nessa questão. Se acha que não está preparado, repense o momento de mudança, pois, isso será cobrado aqui fora.

4 - Estudar sobre o país antes de chegar nele
Quando planejamos as sonhadas férias pesquisamos minimamente sobre o destino escolhido, certo? Por que não tomar esse cuidado antes também de sair por aí buscando uma oportunidade fora do país? Pesquisar sobre a cultura do país, oportunidades de trabalho na sua área, economia, política, sistema de educação (quais são as chances de estudar, por exemplo), saúde, religião, clima, tradições e culinária, são só alguns dos temas que devem ser exaustivamente estudados antes de fazer as malas, porque, acredite!: cada um desses ítens toma importância gigante quando você está fora de sua zona de conforto. Depois de estudar e entender melhor, você ainda consegue se enxergar lá? Se possível, faça uma viagem ao novo país como turista antes de se mudar definitivamente. Você terá uma ideia do que lhe aguarda.

5 - Preparo psicológico (saudade, pressão...)
Você sentirá saudades do Brasil, da família, dos amigos, do clima e muitas coisas mais, por mais que volte sempre para visitar ou que a tecnologia conte muito a favor hoje em dia para amenizar a distância. Você perderá o aniversário do sobrinho, o casamento da amiga... Você também terá dias cinzas e poderá se perguntar: "O que estou fazendo aqui?"... Claro que nenhuma dessas coisas deveria nos impedir de seguir em frente, mas são aspectos de extrema importância e que devem ser considerados como desafios a serem superados. Como no Brasil, a vida e trabalho fora também têm seus altos e baixos e não tem todo o glamour que ronda o imaginário brasileiro. O momento de vida e as prioridades tanto na vida pessoal como profissional têm peso nessa decisão. Quanto mais o profissional tiver claro que serão muitos os desafios a serem superados, maiores são as chances de sucesso na carreira internacional.


Tomar a decisão de deixar o país terá reflexo na vida para sempre, independente do tempo que você decidir ficar fora. Será para sempre uma marca importante na sua trajetória, portanto, você deve estar muito confiante sobre essa escolha para que no balanço geral o saldo seja o mais positivo possível. Para isso, você deve munir-se de muita informação para sentir-se seguro e confortável, tanto para partir como para ficar. Afinal, essa sempre será uma escolha também.


Margarete Soares
Há 1,5 ano mora na Alemanha
Psicóloga, atua como consultora online sobre orientação de carreira e carreira internacional
Mais de 15 anos trabalhando com os temas carreira, talento e desenvolvimento de pessoas em multinacionais
margarete.soares@potens.com.br
skype: margaretesoares5
Whatssapp: +49 157 507 79726
Canal no Youtube: Margarete Soares #tevedobem